Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Estrutura Turística

O Rio Grande do Sul ocupa a 3° posição no ranking de chegadas de turistas internacionais no Brasil.

O turismo¹ é uma atividade importante para o ingresso de receitas. Cerca de 1,2 bilhão foi o número de turistas que viajaram pelo mundo em 2016. O ingresso de receitas em 2016 no Brasil, oriundos do turismo, foi da ordem de 6 bilhões de dólares, conforme o Ministério do Turismo - MTUR. De acordo com o MTUR, o Brasil recebeu aproximadamente 6,5 milhões de turistas internacionais em 2016. O Rio Grande do Sul, recebeu 1,1 milhão de turistas internacionais em 2016, o que representou 17% do total do país, ocupando a 3ª  posição entre as unidades da federação.

No RS os meses que apresentaram o maior fluxo de entrada de turista internacionais em 2016 foram janeiro, fevereiro, março e dezembro, segundo o MTUR. Os principais países de origem são Argentina, Uruguai, Paraguai e Chile que, juntos, representaram em 2016, 96,2% dos turistas internacionais que ingressaram no estado. O principal meio de acesso se deu por via terrestre (87,5%), seguido da via fluvial (7%), aérea (5,3%) e marítima (0,2%).

O Rio Grande do Sul, em função de sua formação histórica, da diversidade de paisagens e culturas e de sua localização estratégica em relação aos países do MERCOSUL, se coloca como receptor de um grande número de turistas, especialmente da América do Sul. Os atrativos incluem a paisagem e o clima serrano, o pampa, o extenso litoral, às estâncias hidrominerais, o patrimônio paleobotânico, arqueológico, histórico, arquitetônico e cultural. Também a gastronomia, os costumes e tradições definem uma diversidade de eventos que compõem um extenso calendário de eventos que se desenvolvem ao longo de todo o ano. A estrutura turística do Rio Grande do Sul está organizada segundo 27 Regiões Turísticas definidas pela Secretaria de Cultura, Turismo, Esporte e Lazer - SEDACTEL e cujas características refletem a diversidade de atrativos.

Em termos de meios de hospedagem, o estado contava em 2017 com um total de 1.601 estabelecimentos distribuídos em: hotéis (64,6%), pousadas (32,7%), hostels (1,4%), flats (1,2%) e resorts (0,1%). Deste universo, 80,9% eram de pequeno porte, 16,9% de médio porte e 2,2% de grande porte, o que demonstra a importância dos pequenos empreendimentos para a renda gerada com as atividades turísticas no estado. Quanto ao número de leitos, o RS contava com 130.104 unidades em 2017. 

Quanto à distribuição espacial, 55,7% dos meios de hospedagem estão localizados nas regiões turísticas das Hortênsias, Litoral Norte Gaúcho, Costa Doce, Uva e Vinho e Porto Alegre, conforme informações da Secretaria de Cultura, Turismo, Esporte e Lazer - SEDACTEL.  A estrutura turística do RS também disponibiliza Centros de Atenção ao Turista (CAT), localizados em diferentes municípios. Estes locais são especializados no atendimento e orientação ao turista e disponibilizam informações sobre meios de hospedagem, alimentação, atrativos turísticos, entre outras informações. 

¹De acordo com a Organização Mundial de Turismo - OMT e o Ministério do Turismo do Brasil- MTUR, turismo pode ser definido como o conjunto de atividades realizadas durante viagens e permanência por um período inferior a um ano, com fins de lazer, negócios e outros motivos não relacionados com o exercício de uma atividade remunerada no local visitado.

Ingresso de turistas internacionais no Brasil pelo RS segundo o país de origem em 2016
Ingresso de turistas internacionais no Brasil pelo RS segundo o país de origem em 2016

Fonte: MTUR. Anuário Estatístico de Turismo 2017

Ingresso mensal de turistas internacionais no Brasil pelo RS em 2016 (nº de pessoas)
Ingresso mensal de turistas internacionais no Brasil pelo RS em 2016 (nº de pessoas)
Fonte: MTUR. Anuário Estatístico de Turismo 2017

Ingresso de turistas internacionais no RS por meio de acesso em 2016 (%)
Ingresso de turistas internacionais no RS por meio de acesso em 2016 (%)
Fonte: MTUR - Anuário Estatístico de Turismo 2017

Distribuição dos meios de hospedagem por tipo no RS - 2017 (%)
Distribuição dos meios de hospedagem por tipo no RS - 2017 (%)

Fonte: SEDACTEL - Guia dos Meios de Hospedagem do RS

Atlas Socioeconômico do Rio Grande do Sul