Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Estrutura da produção e fundiária

A estrutura fundiária do Estado se diferencia de acordo com a região

O Rio Grande do Sul, tradicionalmente, apresenta-se como um Estado que se destaca pela sua produção agrícola e pecuária. O setor agropecuário tem uma estimativa de participação, em 2010, de 8,7% na estrutura do Valor Adicionado Bruto do Estado. No entanto, sabe-se que esta participação é ainda maior se considerada a repercussão na cadeia produtiva que o setor movimenta. 

Na estrutura do Valor Bruto da Produção Agropecuária destaca-se a lavoura que responde por 61,34% da produção, seguida pela produção animal com 33,98%. Dentre as diferentes lavouras a produção de grãos é a mais significativa, embora tenha decrescido historicamente passando de 50,29% em 1985, para 35,97% em 1990, 28,61% em 1995, retomando o crescimento e atingindo em 2004 36,38%. A produção animal apresenta também uma participação significativa em nossa agropecuária, recuperando em 1999 uma tendência histórica de queda de participação, mas decrescendo novamente em 2003 e 2004: 27,52% em 1985, 37,88% em 1990, 34,22% em 1995, atingindo em 43,1% no ano de 2000 e 33,98 em 2004.

A estrutura fundiária do Estado se diferencia de acordo com a região, alternando predomínio de grandes e médias propriedades com médias e pequenas unidades de produção. Do total dos estabelecimentos do Estado 85,8% possuem menos de 50 hectares, ocupando 24,4% da área utilizada pela agropecuária. As propriedades com mais de 500 hectares representam 1,83% dos estabelecimentos, ocupando 41,9% da área rural. As propriedades entre 50 e 500 ha representam 12,46% do número total de estabelecimentos ocupando 32,8% do total da área. Deve-se ressaltar que o limite entre minifúndio e latifúndio varia de acordo com a região e, normalmente, nas regiões da Campanha e da Fronteira Oeste, onde os solos são mais frágeis, necessita-se de áreas maiores para obter viabilidade na produção.

Evolução da estrutura do valor bruto da produção da agropecuária do Rio Grande do Sul - 1985 a 2004
tabela vbp agropecuaria 1985 2004

Fonte: FEE/Núcleo de Contabilidade Social
(*) Inclui Silvicultura, extração vegetal, produção particular do pessoal residente, indústria rural, energia elétrica, investimento no plantio de matas, serviços agrícolas e autônomos.

Estrutura do valor bruto da agropecuária em 2004
grafico estrutura vbp agropecuaria 2004

Fonte: FEE/Núcleo de Contabilidade Social

Estrutura fundiária no RS em 2006 (%)
graf estrut fund rs 2006

Fonte: IBGE.Censo Agropecuário 2006

Estrutura fundiária no BR em 2006 (%)
graf estrut fund br 2006

Fonte: IBGE.Censo Agropecuário 2006

Arquivos para download

Atlas Socioeconômico do Rio Grande do Sul